Leitura para estudantes surdos: um recurso para o aprendizado da Língua Portuguesa

Daniela Alves Ferreira, Ana Paula Pacheco Moraes Maturana

Resumo


A leitura para estudantes surdos é um recurso primordial para o aprendizado da Língua Portuguesa na modalidade escrita. O objetivo desta pesquisa foi analisar como os professores desenvolvem a rotina de leitura através da Libras para os alunos surdos nos primeiros anos iniciais do Ensino Fundamental I. As participantes foram 14 professoras de três Escolas Municipais de Educação Bilíngue para Surdos (EMEBS), de diretorias da região de São Paulo, capital.  A coleta de dados foi realizada por meio de um questionário com 9 (nove) questões abertas e fechadas. A análise de dados resultou em categorias relacionadas às práticas de leitura e apresentação de diferentes gêneros textuais aos estudantes surdos: (1) Apreciação da leitura por parte dos estudantes com DA/Surdez, (2) Adaptações realizadas nas atividades para os alunos com DA/Surdez, (3) Exemplos de atividades na rotina de leitura e (4) A leitura como um recurso eficaz para o aprendizado da Língua Portuguesa. As professoras envolvidas nesse estudo entendem a importância da leitura para o aprendizado da Língua Portuguesa, como segunda língua, bem como para a inserção do estudante surdo no mundo letrado, na perspectiva de uma educação bilíngue.


Palavras-chave


Aluno surdo; Professor; Leitura; Língua Portuguesa; Libras; Educação Bilíngue.

Texto completo:

PDF RESUMO.MP3 COMPLETO.MP3

Referências


ANDRADE, M. M. F. Práticas de Ensino da Língua Portuguesa para alunos surdos. 2012. 86 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Ciências Humanas, Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba, 2012. Disponível em: https://www.unimep.br/phpg/bibdig/pdfs/docs/09102013_100134_maly.pdf. Acesso em: 6 dez. 2017.

BAPTISTA, M. M. B. S. Alunos surdos: aquisição da língua gestual e ensino da Língua Portuguesa. Actas do I EIELP. Exedra, Coimbra, v. 9, p. 197-208, 2010. Disponível em: http://www.exedrajournal.com/docs/02/18-MadalenaBatista.pdf. Acesso em: 6 dez. 2017.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF, 1988. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 27 fev. 2017.

BRASIL. Lei n. 10.436, de 24 de abril de 2002. Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras e dá outras providências. Brasília, DF, 2002. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/l10436.htm. Acesso em: 27 fev. 2017.

BRASIL. Decreto Federal n. 5.626, de 22 de dezembro de 2005. Regulamenta a Lei n° 10.436, de 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais, Libras e o art. 18 da Lei no 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Brasília, DF, 2005. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2005/decreto/d5626.htm. Acesso em: 28 fev. 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Saberes e práticas da inclusão: desenvolvendo competências para o atendimento às necessidades educacionais especiais de alunos surdos. 2. ed. Brasília: MEC/SEESP, 2006. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/alunossurdos.pdf. Acesso em 06 dez. 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Política Nacional de Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília: MEC/SEESP, 2008. Disponível em: http://peei.mec.gov.br/arquivos/politica_nacional_educacao_especial.pdf. Acesso em: 10 mar. 2017.

CARNEIRO, R. U. C.; SCHIAVON, D. N.; CAPELLINI, V. L. M. F. Breve Relato Histórico sobre Pessoas com Deficiência Auditiva/Surdez e as Implicações Educacionais. São Paulo: AVA Moodle Unesp [Edutec], 2016. Trata-se do texto 1 da disciplina 1 do curso de Especialização em Educação Especial com ênfase em Deficiência Auditiva/Surdez - NEaD/Unesp/SMESP. Disponível em: edutec.unesp.br. Acesso restrito. Acesso em: 25 fev. 2017.

DORZIAT, A.; FIGUEIREDO, M. J. F. Problematizando o ensino de língua portuguesa na educação de surdos. Revista Espaço, Rio de Janeiro, n.18-19, p. 32-41, dez./jul. 2002-2003.

FERNANDES, S. Letramentos na educação bilíngue para surdos. In: BERBERIAN, A. P.; ANGELIS, C. M.; MASSI, G. (Org.). Letramento: referências em saúde e educação. São Paulo: Plexus, 2006. p. 117-144.

GIROTO, C. R. M.; MARTINS, S. E. S. O.; MENDONÇA, E. M. A escola e a formação de leitores surdos na perspectiva bilíngue. In: GIROTTO, C. R. M.; MARTINS, S. E. S. O.; BERBERIAN, A. P. (Org.). Surdez e educação inclusiva. São Paulo: Cultura Acadêmica/Oficina Universitária, 2012, p, 133-152. Disponível em: https://www.marilia.unesp.br/Home/Publicacoes/af-v7_obraindividual_giroto_martins_berberian_2012-pcg.pdf. Acesso em: 6 dez. 2017.

GOULART, C. Letramento e modos de ser letrado: discutindo a base teórico-metodológica de um estudo. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 11, n. 33, p. 450-462, 2006. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbedu/v11n33/a06v1133.pdf. Acesso em: 06 dez. 2017.

LIMA, A. G. B. O Conceito de 1ª e 2ª Línguas e a Aquisição da Língua Portuguesa como L2. Arqueiro, Rio de Janeiro, v. 10-11, 2005. Disponível em: http://ptdocz.com/doc/533832/revista-arqueiro-n%C2%BA11. Acesso em: 6 dez. 2017.

LODI, A. C. B. Desenvolvimento de linguagem e apropriação da Libras como primeira língua por crianças surdas e práticas de letramento In: GIROTTO, C. R. M.; MARTINS, S. E. S. O.; BERBERIAN, A. P. (Org.). Surdez e educação inclusiva. São Paulo: Cultura Acadêmica/Oficina Universitária, 2012. p, 133-152. Disponível em: https://www.marilia.unesp.br/Home/Publicacoes/af-v7_obraindividual_giroto_martins_berberian_2012-pcg.pdf. Acesso em: 6 dez. 2017.

MOURA, D. R. O uso da LIBRAS no ensino de leitura de português como segunda língua para surdos: um estudo de caso em uma perspectiva bilíngue. 2008. 137 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008. Disponível em: https://sapientia.pucsp.br/bitstream/handle/14016/1/Debora%20Rodrigues%20Moura.pdf. Acesso em: 6 dez. 2017.

PEREIRA, M. C. C. Ensino da Língua Portuguesa para Surdos. São Paulo: AVA Moodle Unesp [Edutec], 2016a. Trata-se do texto 2 da disciplina 6 do curso de Especialização em Educação Especial com ênfase em Deficiência Auditiva/Surdez - NEaD/Unesp/SMESP. Acesso restrito. Disponível em: https://acervodigital.unesp.br/bitstream/.../1/unesp-nead_reei1_ee_d11_da_texto1.pdf. Acesso em: 13 mar. 2017.

PEREIRA, M. C. C. Leitura e Surdez: São Paulo: AVA Moodle Unesp [Edutec], 2016b. Trata-se do texto 4 da disciplina 6 do curso de Especialização em Educação Especial com ênfase em Deficiência Auditiva/Surdez - NEaD/Unesp/SMESP. Acesso restrito. Disponível em: https://acervodigital.unesp.br/bitstream/unesp/252173/1/unesp-nead_reei1_ee_d11_da_texto3.pdf. Acesso em: 7 abr. 2017.

PEREIRA, M. C. C. Ensino de Língua para Surdos: São Paulo: AVA Moodle Unesp [Edutec], 2016c. Trata-se do texto 1 da disciplina 6 do curso de Especialização em Educação Especial com ênfase em Deficiência Auditiva/Surdez - NEaD/Unesp/SMESP. Acesso restrito. Disponível em: https://acervodigital.unesp.br/bitstream/unesp/252174/1/unesp-nead_reei1_ee_d11_da_texto2.pdf. Acesso em: 11 abr. 2017.

PEREIRA, M. C. C. Ensino e Aprendizagem da Escrita. São Paulo: AVA Moodle Unesp [Edutec], 2016d. Trata-se do texto 3 da disciplina 6 do curso de Especialização em Educação Especial com ênfase em Deficiência Auditiva/Surdez - NEaD/Unesp/SMESP. Acesso restrito. Disponível em: https://acervodigital.unesp.br/bitstream/unesp/252172/3/unesp-nead_reei1_ee_d11_da_texto4.pdf. Acesso em: 17 mar. 2017.

SÃO PAULO (Município). Secretaria Municipal de Educação. Diretoria de Orientação Técnica. Orientações curriculares e proposição de expectativas de aprendizagem para Educação Infantil e Ensino Fundamental: Língua Portuguesa para pessoa surda. São Paulo: SME/DOT, 2008.

SCHEMBERG, S.; GUARINELLO, A. C.; SANTANA, A. P. O. As práticas de letramento na escola e na família no contexto da surdez: reflexões a partir do discurso dos pais e professores. Rev. Bras. Ed. Esp., Marília, v.15, n.2, p.251-268, 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbee/v15n2/06.pdf. Acesso em: 06 dez. 2017.

SOLÉ, I. Estratégias de Leitura. 6. ed. Porto Alegre: ArtMed, 1998.

SPINK, M. J. Linguagem e produção de sentidos no cotidiano. Rio de Janeiro: Centro Edelstein de Pesquisas Sociais, 2010. Disponível em: https://static.scielo.org/scielobooks/w9q43/pdf/spink-9788579820465.pdf. Acesso em: 6 dez. 2017.

SVARTHOLM, K. 35 anos de Educação Bilíngue de surdos – e então? Educar em Revista, Curitiba, n. 2, p. 33-50, 2014. Edição Especial.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 InFor

             

InFor - Inovação e Formação - Revista do Núcleo de Educação a Distância da Unesp by IEP3 - Unesp e Reitoria da Unesp is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Todos os direitos reservados ao Instituto de Educação e Pesquisa em Práticas Pedagógicas (IEP3), à Unesp e seus autores.

Based on a work at ojs.ead.unesp.br

infor.iep3 [arroba] unesp.br

ISSN 2525-3476